9.30.2013

25/09/2013 Fator Previdenciário - Arnaldo Faria de Sá cobra sua votação

https://www.camara.gov.br/internet/library/imagens/BrasaoRepublica.gif
CÂMARA DOS DEPUTADOS - DETAQ
Sem redação final
Sessão: 291.3.54.O
Hora: 14:32
Fase: PE
Orador: ARNALDO FARIA DE SÁ
Data: 25/09/2013




O SR. PRESIDENTE
 (Amauri Teixeira) - Com a palavra o Deputado Arnaldo Faria de Sá.
O SR. ARNALDO FARIA DE SÁ
 (PTB-SP. Sem revisão do orador.) - Sr. Presidente, quero registrar que estivemos presentes no último sábado à inauguração da Unidade de Pronto Atendimento na cidade de Vargem Grande Paulista. Quero cumprimentar o Prefeito Roberto Rocha por essa grande unidade que foi inaugurada na cidade — todos estão muito contentes com isso —, inclusive sem apoio do Governo Federal e do Governo Estadual, com recursos municipais, o que é extremamente importante.
Eu queria registrar que já estive no Centro de Convivência do Idoso da mesma cidade. Precisamos ajudar aquela cidade a superar todas as suas dificuldades. Como é uma cidade dividida pela rodovia Raposo Tavares, acaba não recebendo o atendimento de que necessita.
Sr. Presidente, outro assunto sobre o qual gostaria de falar diz respeito a todos os aposentados e pensionistas. Eles têm reclamado, e muito, da questão do fator previdenciário e da falta de recuperação das suas aposentadorias e pensões. Cobra-se muito do Governo, mas tem culpa também esta Casa em relação à falta de reajuste. Parece que nesta Casa os Deputados têm que ter um pouco mais de preocupação, já que não são filhos de chocadeiras, mas sim filhos de pai e mãe, para a gente cobrar essa situação.

25/09/2013 Cobranças de Arnaldo Faria de Sá


https://www.camara.gov.br/internet/library/imagens/BrasaoRepublica.gif
CÂMARA DOS DEPUTADOS - DETAQ
Sem redação final
Sessão: 290.3.54.O
Hora: 11:54
Fase: BC
Orador: ARNALDO FARIA DE SÁ
Data: 25/09/2013


O SR. PRESIDENTE (Inocêncio Oliveira) - Para uma breve intervenção, concedo a palavra ao ilustre Deputado Arnaldo Faria de Sá, do PTB de São Paulo.
O SR. ARNALDO FARIA DE SÁ
 (PTB-SP. Sem revisão do orador.) - Sr. Presidente, quero registrar que a nossa caravana de atendimento à Previdência Social esteve, no último domingo, em Campinas, na Igreja de São José, na Vila Industrial, e atendemos mais de 300 pessoas em questões relativas à Previdência Social. E a grande maioria reclamou principalmente da questão da revisão dos benefícios. 
Precisamos aprovar esse projeto que está parado aqui na Casa. Sem dúvida alguma, é a grande expectativa de todos os aposentados e pensionistas.
 
Também, outra reclamação muito grande foi em relação ao fator previdenciário. O prejuízo do trabalhador brasileiro, que, depois de trabalhar 35 anos, perde cerca de 40% da sua aposentadoria, é inexplicável. Se for mulher ainda, o prejuízo chega a 50%. É um grande prejuízo. Nós não podemos admitir.
Quero que esta Casa também acorde para a sua parcela de responsabilidade, que não é só do Executivo. Nós temos que cobrar votação de matérias que dizem respeito aos interesses dos aposentados e pensionistas. Lembro que, em São Paulo, ontem, foi aprovado na Assembleia Legislativa o projeto que garante o passe livre intermunicipal para o idoso, quando estamos completando 10 anos do Estatuto do Idoso.
Obrigado, Presidente Inocêncio Oliveira.