9.27.2007

Deputado Federal Arnaldo Faria de Sá: Coluna Claudio Humberto

Deputado Federal Arnaldo Faria de Sá: Coluna Claudio Humberto

Coluna Claudio Humberto

Algumas Notas do Colunista Claudio Humberto

Reforma será votada em 'sessão fantasma' - 11/07/2007 19:10:00O presidente da Câmara, Arlindo Chinaglia, decidiu pôr em votação o que resta da reforma política ainda hoje, logo após a sessão do Congresso Nacional que votará a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO). A expectativa é que haverá grande ausência de deputados nessa sessão, já apelidada de "fantasma" pelo deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP).
2
Regimento interno é multiuso - 06/07/2007 11:47:00O deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP) foi quem conseguiu impedir que o PT e o Democratas aprovem a reforma política na marra. O parlamentar é especialista do regimento interno da Casa.
3
Reforma política: vapt-vupt na Câmara - 14/06/2007 14:40:00Com quatro anos para analisar a reforma política o presidente da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara Leonardo Picciani (PMDB-RJ) foi mais rápido que o Coelho de “Alice no país das maravilhas” para “enterrar”o projeto: abriu a sessão com doze deputados, fez a dispensa da leitura da ata, duas inversões de pauta, colocou em votação o polêmico voto em lista fechada e designou o relator, o deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP), que aprovou a inconstitucionalidade. Tudo em 1m15s. O parecer contrário da lista fechada já estava preparado e nem seria votado porque estava em plenário, deveria ter sido excluída. O parecer contrário da lista fechada já estava preparado e nem seria votado porque a matéria já estava em plenário. O presidente em exercício da Câmara, Inocêncio Oliveira (PR-PE), cancelou a reunião da Comissão, que mais pareceu a transmissão de uma corrida de cavalos (ouça).
4
Oposição ataca criação da TV pública - 16/05/2007 12:53:00A discussão ontem na Câmara sobre a medida provisória que cria a Secretaria de Comunicação Social da Presidência rendeu polêmica. O deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP) comparou: “A TV pública é a volta do DIP. Ninguém percebeu isso?”. Ele afirmou que a empreitada é para garantir a publicidade do Governo, e alertou: “Lembrem-se da Venezuela”. O deputado Vicentinho (PT-SP) saiu em defesa da proposta, e deu como exemplo a TV Cultura, “que é do povo, e não do governador José Serra”.
5
Campanha - 01/12/2006 00:00:00Prestes a iniciar o sexto mandato, o deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP) avisa: se Lula não entrar de cabeça na reeleição de Aldo Rebelo para presidente da Câmara, Inocêncio de Oliveira (PE) toma conta do plenário.
6
CPI pode prender advogada também - 25/05/2006 11:43:00O advogado do PCC Sérgio Wesley da Cunha acaba de ser preso por desacato durante acareação na CPI do Narcotráfico. Após sucessivas recusas em responder às perguntas dos deputados, o deputado Arnaldo Faria de Sá comentou “você aprendeu rápido com a malandragem”, no que o advogado respondeu de pronto: “aprende-se rápido aqui”. O deputado Alberto Fraga (PFL-DF) chamou o advogado de bandido. Neste momento depõe a advogada Maria Cristina Rachado e os parlamentares seguem a estratégia de tentar obter algum tipo de afirmação que permita a CPI dar-lhe voz de prisão. O funcionário corrompido Artur Vinícius da Silva reafirmou que ela foi quem o subornou por R$ 200,00 em quatro notas de R$ 50,00.
7
Sem acordo: advogados do PCC depõem terça - 18/05/2006 15:24:00O deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP) anunciou há pouco que os advogados Sérgio Wesley da Cunha e Maria Cecília de Souza Rachado irão depor na próxima terça 23 na CPI do Tráfico de Armas. Eles telefonaram propondo um acordo de delação para entregar o que sabem, em troca de a CPI desistir do pedido de prisão preventiva deles. Faria de Sá disse que os membros da CPI rejeitaram o acordo. Os advogados terão de dizer quanto pagaram e a quem entregaram o CD com a sessão secreta da CPI que ouviu o diretor da DEIC de São Paulo Godofredo Bittencourt Filho e o delegado Rui Ferraz.
8
Clube dos solitários - 12/04/2006 02:53:00Quem imagina o deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP) no Orkut? Pois um clone se passa por ele: "solteiro, 59 anos, estilo clássico, sagaz, sarcástico, heterossexual, mora com os pais". Já tem dez fãs.
9
Petistas em pé-de-guerra com o PMDB - 05/04/2006 20:42:00Os petistas da tropa de choque da CPI dos Correios - Ideli Salvatti (SC), Jorge Bittar (RJ) e Mauricio Rands (PE) estão dizendo cobras e lagartos do PMDB, que deixou o Governo Lula na mão, na votação do relatório final da CPI. O PT acusa o deputado Jader Barbalho (PA) de não controlar seu aliado Asdrúbal Bentes, e faz coro contra o comportamento do relator Osmar Serraglio (PR), que fechou com a oposição. Sobrou ódio petista também para o líder do PTB, José Mucio(PE) que não garantiu o voto do trabalhista Arnaldo Faria de Sá (SP). A mágoa maior do PT é que até o deputado Carlos Willian (Garotinho-MG) não votou logo pela aprovação, dando margens para que o Governo derrotasse o relatório.
10
Contagem - 05/04/2006 03:07:00Deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP) aposta: o relatório final da CPI dos Correios, elaborado por Osmar Serraglio, será aprovado.
11
Se fosse comigo não o prenderia, não. Eu sairia na bordoada mesmo - 19/01/2006 00:00:00Deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP) e as ironias do advogado preso na CPI dos Correios
12
Chamem o síndico - 11/01/2006 00:00:00O deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP) culpou Márcio Thomaz Bastos (Justiça) pelo vazamento da nova conta de Duda Mendonça: "O ministro jogou de bandido contra a CPI". A cúpula da CPI dos Correios acusa o ministro de sempre pressionar para que tudo acabe em pizza.
13
Mundo cão - 25/12/2005 00:00:00Ao saber que Lula cogita desistir da reeleição, o deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP) recomenda que o presidente desista mesmo. "O relatório da CPI dos Correios será o pior dos mundos para ele."
14
Voto declarado - 22/12/2005 00:00:00Depois de elogiar a atuação de Osmar Serraglio na CPI dos Correios, a deputada Juíza Denise Frossard (PPS-RJ) confessou que votaria nele, se pudesse, para ministro do Supremo Tribunal Federal. Ao ouvir a declaração, o presidente Delcídio Amaral (PT-MS) provocou: - Vote em mim, também, no Mato Grosso do Sul! - Só se você votar em mim no Rio de Janeiro ? devolveu a deputada. - Isto está virando compra de voto ? encerrou, rindo, Arnaldo Faria de Sá.
15
Fim do nepotismo - 12/09/2005 00:00:00Será votado amanhã o parecer do deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP), favorável à emenda que proíbe o nepotismo. Aprovado na Comissão Especial da Câmara, seguirá para aprovação no plenário, em dois turnos.
16
Grande jogada - 29/08/2005 00:00:00O deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP) acha que por trás da Super Receita (que une os fiscos da Previdência e da Receita Federal) "há uma grande jogada para sumir com a dívida ativa de muita gente".
17
Trem pagador - 19/08/2005 00:00:00O deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP) fez Delúbio Soares empalidecer, ao perguntar-lhe quem pagou a reforma do apartamento de cobertura do presidente Lula, em São Bernardo (SP). Ficou pálido e não respondeu.
18
Pinóquio - 04/07/2005 00:00:00O deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP) está curioso quanto ao novo depoimento do sonolento Joel Santos Filho, que gravou o ato de corrupção a Maurício Marinho: "Quero ver se ele vai mentir como testemunha".
19
Homenagem - 16/04/2005 00:00:00O deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP) foi homenageado ontem em São Paulo por 50 entidades ligadas aos aposentados, pelo seu empenho na aprovação da PEC paralela da Previdência.
20
A calva vai avançar - 07/01/2005 00:00:00O deputado federal Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP) assistiu de camarote à briga dos tucanos na Câmara Municipal de São Paulo. Para ele, o prefeito de São Paulo, José Serra, está perdido: - Serra pensa que foi eleito presidente. Se ele não aprender a fazer política, vai perder o resto dos cabelos que tem.
21
O que é isso, companheiro? - 01/09/2004 00:00:00Nasce um paladino dos anistiados: o deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP) foi aplaudido de pé na sessão solene da Câmara, ontem, pelos 25 anos da anistia. Ofuscou o petista Luiz Eduardo "Adoro Holofotes" Greenhalgh e o psolista Babá. Bradou "chega de enrolação!", exigiu audiência com Lula e perguntou se depois de José Dirceu, "o Zé da Esquina já recebeu?"
22
Balas perdidas - 27/10/2003 00:00:00A "bancada da bala" ou o "lobby da morte", contra o desarmamento, contou com os peemedebistas Alberto Fraga (DF) e Mendes Ribeiro (RS), os petebistas Jair Bolsonaro (RJ), Arnaldo Faria de Sá (SP) e Roberto Jefferson (RJ) além de Ônix Lorenzoni (PFL-RS) e Luis Heinze (PP-RS).

Dep. Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP)



Dep. Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP)
As medidas provisórias são uma velha queixa dos deputados e senadores. Muitos acham que o governo abusa do poder de legislar. Sem contar o fato de as MPs trancarem a pauta do plenário quarenta e cinco dias depois de chegarem à Câmara.Para falar sobre isso, o Palavra Aberta recebe o deputado Arnaldo Faria de Sá, do PTB de São Paulo.

video

Dep. Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP): Proteção à previdência e à assistência social

video

27/09/2007 Discurso CPMF Arnaldo Faria de Sá

Tempo real - 19/09/2007 18h33 Deputado cobra providência contra MPs revogadoras


Tempo real - 19/09/2007 18h33
Deputado cobra providência contra MPs revogadoras

Reportagem - Edvaldo Fernandes

Edição - Francisco Brandão



O vice-líder do PTB Arnaldo Faria de Sá cobrou há pouco em plenário providências do presidente da Câmara, Arlindo Chinaglia, contra o Poder Executivo, que na exposição de motivos da MP 392/07, editada hoje para revogar a MP 382/07, diz claramente que o objetivo era liberar a pauta da Câmara. "É uma falta de respeito ao Congresso Nacional", protestou Faria de Sá, para quem o Planalto deliberada e manifestamente está interferindo no funcionamento da Câmara. "Em nome da Câmara, tome uma providência", instou."O máximo que posso dizer é que muitos [deputados] aqui não subscreveriam esse texto [a exposição de motivos]", contemporizou Chinaglia. Ele disse que a revogação de três MPs ontem e hoje para liberar a pauta da Câmara e permitir o início da votação da prorrogação da CPMF já foi levada ao Supremo Tribunal Federal (STF). "Por isso estou evitando uma decisão de mérito", justificou.Buraco jurídico O líder em exercício do DEM, Ronaldo Caiado (GO), espera que ainda hoje o Supremo Tribunal Federal (STF) tome uma posição contrária à interferência do Executivo na Congresso Nacional por meio das MPs revogadoras. Ele lembrou que seu partido, o PSDB e o PPS propuseram hoje ao Supremo três ADI contra as três MPs. Uma das teses é de que elas criam um "buraco jurídico" nos setores regulados pelas MPs revogadas.

Tempo real - 26/09/2007 21h53 Deputado não acredita em término da votação hoje




Tempo real - 26/09/2007 21h53
Deputado não acredita em término da votação hoje

Reportagem - Vania Alves

Edição - Patricia Roedel




O deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP) afirmou que dificilmente a votação da PEC terminará hoje. Ele explicou que, para derrubar os destaques, o governo precisa ter 308 votos e o quorum já se mostra baixo. O parlamentar também lembrou que a MP 378/07 deve chegar à Câmara e trancar a pauta a partir das 24 horas de hoje.Faria de Sá ressaltou ainda que a CPMF não será útil para a saúde brasileira. Ele explicou que, no ano passado, a contribuição recolheu R$ 37 bilhões e, apesar disso, a Saúde está em estado crítico em todo o País. Ele afirmou que, como ocorre desde que foi criada, a CPMF vai contribuir apenas com o superávit primário.Já para o deputado Mendonça Prado (DEM-SP), é um equívoco afirmar que a Saúde precisa de mais recursos. Ele explicou que o problema dessa área é de má gestão.

A semana - 25/09/2007 12h58 Comissão pode votar parecer sobre polícias penitenciárias


A semana - 25/09/2007 12h58
Comissão pode votar parecer sobre polícias penitenciárias


A Comissão Especial de Polícias Penitenciárias pode votar amanhã o parecer do relator, deputado Arnaldo Faria de Sá deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP). A comissão analisa a Proposta de Emenda à Constituição 308/04, do deputado Neuton Lima (PTB-SP), que cria a polícia penitenciária no âmbito da União, dos Estados e do Distrito Federal. O objetivo da proposta é liberar os policiais civis e militares da função de agentes e guardas penitenciários, para que se dediquem às suas atividades normais de combate ao crime. A polícia penitenciária deverá concentrar-se na defesa interna e externa dos presídios e na captura de presidiários fugitivos.